Assédio

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

08.02.17 - Dia Nacional em Defesa da Aposentadoria Policial

Da Comunicação Sinpol-DF

Servidores da Segurança Pública de todo o país participaram do Dia Nacional em Defesa da Aposentadoria Policial nesta quarta, 8, no gramado do Congresso Nacional.

A manifestação reuniu cerca de cinco mil pessoas – policiais civis, federais, rodoviários federais, legislativos, guardas municipais e agentes penitenciários – para protestar contra a PEC 287/16, que institui a Reforma da Previdência.

Do jeito que está, a proposta do governo federal deixa de reconhecer a atividade policial como de risco, o que põe em xeque a aposentadoria desses profissionais. Assim como ocorrerá com os militares e com as Forças Armadas, as categorias que se manifestaram hoje desejam discutir uma regra que respeite as especificidades da profissão.

O ato realizado hoje envolve as 31 entidades que formam a União dos Policiais Brasileiros (UPB), entidade criada no fim do ano passado para unir as entidades representativas de classe da Segurança Pública na luta contra o fim da aposentadoria policial.

Leia Mais

Além das camisetas pretas com mensagens de protesto à PEC 287/16, foi montado um “cemitério” no gramado do Congresso Nacional onde foram fixadas cruzes, caixões e lápides em alusão aos policiais que morreram por causa da profissão.

Todos os que participaram fizeram um minuto de silêncio em memória daqueles colegas. “Nossa expectativa de vida é diferente. O governo precisa se sensibilizar”, afirmou Jânio Granda, presidente da Confederação Brasileira de Trabalhadores Policiais Civis (Cobrapol).

Logo depois, 26 deputados federais discursaram em favor dos policiais e se posicionaram contrários à Reforma da Previdência, ressaltando, sobretudo, as consequências do fim da aposentadoria policial.

A atual diretoria do Sinpol-DF fez uma convocação de assembleia para o ato, onde foi deliberado, por unanimidade, que o Sindicato apoiará todas as ações da UPB na luta pela manutenção da aposentadoria policial.

“Essa é uma luta de todos nós. Os policiais civis irão para essa luta até a vitória”, afirmou o presidente do Sinpol-DF.

Além do ato no gramado do Congresso Nacional, os milhares de participantes saíram em passeata pela Esplanada dos Ministérios até o Palácio do Planalto e, de lá, seguiram até a Câmara Federal.

A manifestação desta quarta é apenas o primeiro ato da UPB, considerado como o marco de um movimento nacional em prol da manutenção da aposentadoria policial.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.