Troca de armamento começa a ser discutida na PCDF

1
211
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
11102016 - reuniao_pcdf_armas_arquivo_pessoal
Casos de acidentes com as armas estimulam a discussão (Fotos: Arquivo Pessoal)

Da Comunicação Sinpol-DF

A discussão sobre o armamento utilizado pelos policiais civis começou a ser provocada no âmbito da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

Nesta quinta, 6, o assunto foi discutido em uma reunião na Departamento de Administração Geral (DAG) da PCDF com o Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol-DF).

A substituição do armamento padrão já utilizado pela PCDF vem ganhando força com os sucessivos casos de defeito dos equipamentos produzidos pela brasileira Forjas Taurus, empresa que detém o monopólio nacional.

Os acidentes são resultados de falhas nas armas, principalmente as pistolas do modelo PT 24/7, a mais utilizada pelas Forças de Segurança Pública do país. Os relatos de vítimas vêm de todo o Brasil. O problema será investigado por uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara Federal.

O diretor de Administração e Planejamento adjunto do Sinpol-DF, Lidenberg Rodrigues, acompanhou a reunião. Segundo ele, o Sinpol-DF tem grande preocupação com os acidentes frequentes envolvendo as armas da Taurus e, por isso, acredita que é necessário abrir espaço para essa discussão.

“Queremos trabalhar em parceria com a PCDF para que seja possível a compra de armas com qualidade e padrão de segurança internacionais, que sejam equipamentos precisos, com durabilidade e portabilidade”, defendeu Lidenberg.

rodapeO Sinpol-DF também está no WhatsApp. Adicione: (61) 999 197 197. Saiba mais.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

1 COMENTÁRIO