Sinpol-DF agora conta com WhatsApp e Telegram

0
203
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
site-sinpol (2)
Policiais civis, sindicalizados ou não, podem adicionar o número de telefone aos contatos (Imagem: Proativa Comunicação)

Da Comunicação Sinpol-DF

A partir desta segunda, 28, os policiais civis, filiados ou não ao Sinpol-DF, passarão a contar com mais duas ferramentas de comunicação com o sindicato: o WhatsApp e o Telegram institucionais.

Por meio desses aplicativos, a ideia é estabelecer mais um canal oficial de diálogo entre a diretoria e a base, reforçando, assim, todo o aparato já disponível (telefone, e-mail, site, mídias sociais e revista).

Quem desejar falar com a diretoria por meio de um desses aplicativos, deve adicionar o telefone (61) 999 197 197 à agenda de contatos. O atendimento será realizado nos dias úteis, em horário comercial (ou seja, de segunda à sexta, das 8h às 18h).

O uso dessas ferramentas ocorrerá em duas frentes: por parte da diretoria, para o envio de comunicados acerca da atuação do sindicato (notas, notícias, convocação de assembleias, convites etc.). Pelos filiados, para obter informações, esclarecer dúvidas e enviar sugestões, críticas e denúncias.

Para receber as mensagens do Sinpol-DF, contudo, é necessário que o sindicalizado mantenha os dados atualizados. Isso também garante que ele receberá os comunicados enviados por e-mail e correspondências entregues pelos correios.

Com a implantação do WhatsApp/Telegram institucional, a diretoria também pretende evitar a disseminação de informações equivocadas, o que vem ocorrendo em grupos não-oficiais, que em nada acrescentam à luta pelas reivindicações da categoria.

APROXIMAÇÃO

O presidente do Sinpol-DF, Rodrigo Franco “Gaúcho”, acredita que ficará ainda mais fácil, para o policial, manter-se atualizado sobre as ações do sindicato. “Temos disponibilizado informação por vários meios e esses aplicativos reforçam essa comunicação. Queremos estar cada dia mais próximos dos policiais e esses aplicativos tornarão esse contato ainda mais rápido”, afirma.

A diretora de Comunicação Celma Lima explica o motivo de o Sinpol-DF ter adotado essa medida. “Nós já sentíamos a necessidade de criar um perfil do sindicato nessas plataformas porque elas são muito utilizadas pelos colegas da base. Além de estarmos alinhados com as novas tecnologias, isso demonstra que a diretoria está preocupada em levar informação correta e de qualidade para o policial, que terá mais um meio para se manter informado da luta sindical”, esclarece.

O projeto vem sendo desenvolvido desde dezembro do ano passado, por uma empresa contratada especificamente para isso. Nesse período, o trabalho esteve focado na instalação da plataforma e atualização do banco de dados e nos testes, antes da operação final.

O WhatsApp e o Telegram foram escolhidos por serem dois dos aplicativos para troca de mensagens mais utilizados no mundo.

Basicamente, eles funcionam de forma semelhante: exigem apenas o número de telefone para se cadastrar, permitem aos usuários a conversa por chat e a troca de arquivos multimídia de uma forma muito rápida.

A diferença mais marcante entre ambos é que o Telegram é tido como mais seguro, por permitir o envio de mensagens criptografadas que se audodestroem e a criação de chats privados.

LOGO DO SINPOL

JUNTOS SOMOS FORTES!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.